Home / Destaque / Resenha | Sonic Generations (PC)

Resenha | Sonic Generations (PC)

Em um jogo, temos o melhor de dois mundos.

O jogo nos foi cedido pela XOGO Gaming Network gratuitamente para resenha escrita e produção de vídeo para o canal, links no final da resenha.

Sem um pingo de dúvidas, Sonic Generations, foi um lançamento produzido para homenagear o maior ouriço dos Videogames, que completou 20 anos em 2011, ano de lançamento. Entretanto, permanecia-se a dúvida: como agradar gregos e troianos? Como fazer um jogo que agrade a geração que jogou em seu Mega Drive os primeiros jogos do Sonic, totalmente em 2D, e a geração atual que aproveitava as jornadas do herói em um mundo 3D.

O fato acima se complicaria ainda mais considerando que a “Fase 3D” do Sonic, até então não tinha um saldo positivo. Se tivemos grandes jogos como Sonic Adventure 1 e 2, infelizmente demos de cara com títulos fraquíssimos como Sonic 2006, Sonic Unleashed e Sonic Free Riders. Para nossa alegria, Sonic Generations veio somar à franquia, revitalizando nos últimos anos da 7ª geração de consoles.

Aqui, nós jogaremos tanto com o “Sonic Clássico” (o original) quanto com o “Sonic Moderno” (que chegou na geração 3D dos jogos). Com cada personagem, a jogabilidade se adapta. Nas fases do Sonic Clássico, temos a nostálgica gameplay em 2D. Já com o Sonic Moderno, temos uma jogabilidade que varia entre o 3D/2.5D, mantendo o padrão que estávamos acostumados. E é claro, somado a isso temos todo o visual 3D que deixa o jogo muito mais vivo, e traz fortemente a sensação de velocidade que existe desde o início da franquia.

Os cenários são um “Ctrl C + Ctrl V” de jogos anteriores. Fator negativo? Justamente o contrário. Talvez esse seja um dos melhores pontos do game. Aqui, revivemos vários estágios clássicos como a Green Hill, Chemical Plant e Sky Sanctuary totalmente refeitos: seja para a jogabilidade em 2D quanta para a 3D. E não fica nisso: as Zonas de jogos atuais como Sonic Unleashed ou Sonic 2006 foram pensadas de forma semelhante a como poderia ter saído Sonic The Hedgehog do Mega Drive. O jogo é estonteante em cada momento de gameplay.

Após cada trio de fases serem concluídos, surgem vários desafios relacionados as Zonas jogadas. Neles, encontraremos objetivos como terminar uma fase com uma certa quantidade de anéis e até mesmo enfrentar alguns rivais como o Shadow e o Silver.  Apesar de nem todos serem tão divertidos, continua sendo uma boa variedade para quem quiser alcançar os 100%.

Talvez um dos poucos elementos negativos do jogo, temos o fator replay. Além de não ter uma campanha tão extensa, que pode ser completada em mais ou menos 5/6 horas, o único elemento que nos prende em continuar jogando são os rankings: tentar conseguir o melhor tempo em cada zona. Fora isso, se você não tem muita paciência, pouco provável que passe tanto tempo assim em Sonic Generations.

Com gráficos de encher os olhos, somados a uma bem trabalhada trilha sonora e jogabilidade fluída, Sonic Generations é um jogo essencial para os fãs da franquia do Ouriço Azul, e uma boa porta de entrada para os novos jogadores.

 

Se interessou? Você pode comprar o jogo na XOGO Gaming Network, nossa parceira:

http://xogo.com.br/

https://www.facebook.com/XogoGaming

About Gabriel (Expresso Nerd)

Nerd, blogger e youtuber. Futuro contador. Curto Marvel e DC e prefiro Star Wars à Star Trek. O que mais dizer?
x

Check Also

Soul Calibur VI | Novo jogo da franquia é anunciado

Durante o The Game Awards 2017, uma das principais premiações de games ...